24 de novembro de 2016

História

A primeira edição da Semana da Comunicação (Secomunica 2000) ocorreu a partir de iniciativa dos próprios alunos do curso de Comunicação Social da Universidade Católica de Brasília, tendo à frente, em especial, o estudante de Publicidade Romualdo Lopes.

O evento, nesse formato (comandado pelos alunos), teve três edições. A partir da 4ª Secomunica, a Direção do Curso de Comunicação assumiu definitivamente a organização, o que deu novo fôlego ao projeto que, apesar de ter dimensão apenas local, passou a trazer personalidades nacionais para compor a programação de palestras, oficinas e mesas redondas.

Todas as edições a partir de então foram voltadas exatamente a uma integração entre estudantes, professores, mercado de trabalho e academia, visando à compreensão dos elementos que constituem os cenários de comunicação.

Nas edições anteriores, unimos grandes nomes da pesquisa e dos veículos de Comunicação como: Sônia Maria Guedes de Medeiros, doutora em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e especialista em televisão; João José Azevedo Curvello, doutor em Comunicação pela Universidade de São Paulo e um dos mais respeitados pesquisadores em Comunicação Organizacional do país; Giulia Gam, atriz da Rede Globo; Serginho Groisman, apresentador da Rede Globo, Felipe Pena, jornalista, professor e escritor.

Além de palestras e mesas-redondas, o evento traz sempre um leque de oficinas e minicursos com caráter profissionalizante para oferecer experiências e aproximações com o mercado de trabalho no campo da comunicação, em suas diversas áreas.

Fazendo uma breve retrospectiva dos temas das últimas 5 edições, vemos que em 2010 o evento foi desenvolvido a partir do eixo temático: “As escolas de comunicação e os novos cenários profissionais”, retomado agora, na edição de 2016, com outro título. Em 2011, o eixo organizador da grade de eventos foi “Os tempos da Comunicação”. Em 2012, tratou-se de “Convergentes e Divergentes: somos quem queremos e podemos?”. Em 2013, realizou-se a XIII edição do evento, cujo tema foi “A Imagem na Comunicação Contemporânea”. Em 2015, a XIV Secomunica abordou “Comunicação: Verdades e Intolerâncias”.

Na edição de 2016, quando a Secomunica UCB completa seus quinze anos, a empregabilidade do comunicador social no cenário contemporâneo será novamente o eixo do evento, com o título “Comunicadores e Mutações: Cenários e Oportunidades”, e, desta vez, dois convidados internacionais abrilhantarão o evento: Prof. Dr. João Canavilhas, da Universidade da Beira Interior – Portugal – que fará a abertura da XV Secomunica UCB; e Silvia Leonor Aguero, da Universidade de Tucumán, Argentina, que encerrará o evento ao lado de Cláudio Magalhães, representante da Associação Brasileira de Televisões Universitárias (ABTU) além de outros profissionais de renome nacional, regional e local que atuarão em toda a Semana, com palestras, mesas de debate, seminários, oficinas, workshops, cines debate, exposições artísticas e lançamentos de livros.

Os eventos principais do matutino e do noturno serão transmitidos via WEB e entre os blocos K e G, e uma grande rede de cobertura, coordenada pela Agência Júnior de Jornalismo, a Olfato, com a colaboração de turmas de várias disciplinas do curso, estará encarregada de noticiar todo o andamento da Semana, dia a dia, turno a turno, num grande exercício de colaboração, no qual estão também envolvidos estudantes da Agência Júnior de Publicidade e Propaganda – Matriz, e da Agência Experimental Espaço Bagagem, bem como do Centro Acadêmico Cactos.

 

RELEMBRANDO ALGUMAS EDIÇÕES:

Tudo pronto para a V SECOMUNICA 

Programa da Semana da Comunicação é definido

imagemUma das tradições que têm sido mantidas pela Universidade Católica de Brasília (UCB), é a realização de eventos temáticos relacionados a cada curso oferecido pela instituição. Na próxima semana, entre os dias 09 e 11 de maio, ocorre a quinta edição da Semana da Comunicação (SECOMUNICA).

Gabriel Prioli, diretor presidente da Associação Brasileira de Televisão Universitária (ABTU), coordenador do curso de jornalismo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e diretor do canal Universitário de São Paulo, dará início à programação palestrando sobre A Televisão Universitária na Integração da América Latina.

O cronograma do evento é constituído de palestras, oficinas, debates, exposição de fotos e filmes, apresentações musicais e de trabalhos dos estudantes de Comunicação. Para que ninguém perca as atrações as atividades foram divididas por todo o horário letivo. Alguns trabalhos serão, inclusive, reprisados.

Para quarta-feira, último dia do acontecimento, está marcado uma conversa com o representante do jornal Tribuna do Brasil, Etevaldo Dias, premiado seis vezes com o Prêmio Abril de Jornalismo por reportagens de política e economia, e Luís Recena, editor executivo do mesmo jornal.

Alunos envolvidos no projeto de cobertura e divulgação dos “Jogos Indígenas”, que ocorreram em Porto Seguro em novembro de 2004, mostrarão os objetivos, desenvolvimento, e resultados da iniciativa apoiada pela UCB e pelo Comitê Inter-tribal.

Ana Beatriz, professora de fotografia na UCB, e uma das organizadoras da SECOMUNICA, ao término da reunião que definiu os últimos detalhes do evento, afirma a satisfação e demonstra expectativa pelo evento: “Adorei esta programação. A Semana vai ser ótima”.

Segue abaixo a programação da Semana:

SEGUNDA” 09 DE MAIO”

Auditório K:8h30 ” “A Televisão Universitária na Integração da América Latina”. Palestra: Gabriel Prioli (PUC-SP).

Sala K226:14h30 – Oficina de alfabetização visual. “A Metáfora do Silêncio”. Casa da Mão e Núcleo de Estudos da Imagem ” IMAGO.

Auditório K:14h30 “Representações do Equador: pintura,fotografia e jornalismo”. Com o pintor equatoriano Gustave Pavel, o fotógrafo e montanhista João Paulo Barbosa, e o jornalista Cláudio Dantas (Correio Braziliense).

Auditório K:19h30 ” Mesa redonda: “Epistemologia e Comunicação na Améria Latina”, com Wilton Barroso (Filosofia ” UnB) e Luiz Martino (Comunicação ” UnB). Projeto Águas Claras.

TERÇA ” 10 DE MAIO”

Auditório K:8h30 ” “Expressões Culturais de Goiás e do Sertão Mineiro”. Debate com pesquisadores e violeiros sobre tradições musicais no Brasil Central, apresentações musicais e de catira. Projeto Entorno que transborda.

Sala K104:8h ” Colóquio sobre Cinema e Literatura: “Macunaíma” de Joaquim Pedro de Andrade. Debate com as Profas. Ana Rolland e Milena Martins.

Auditório M:14h30 ” Cine BR em Movimento: “Quase dois Irmãos”, de Lúcia Murat, seguido de debate.

Auditório K: evento a confirmar

Jardim do Bloco K:14h30 – Oficina Callicore de reciclagem de roupas e criação de moda.* Importante: é preciso trazer uma peça de roupa para reciclar. Limite de 20 pessoas para a oficina. Inscrições no local e por ordem de chegada.

Auditório K:19h30 ” Apresentação e exibição da pesquisa e do vídeo “Jogos Indígenas”.

QUARTA ” 11 DE MAIO”

Auditório K:8h30 – Conversa com os editores Luís Recena e Etevaldo Dias (Jornal Tribuna do Brasil). NUCLAN

Auditório K:10h ” Palestra: Orlando Senna. (Ministério da Cultura). “Políticas de audiovisual na América Latina”.

Sala Top A 201:8h30 ” Cine BR em Movimento: “Quase dois Irmãos”, de Lúcia Murat. Seguido de debate. (Reprise)

Auditório K:14h30 – Apresentação e exibição da pesquisa e do vídeo “Jogos Indígenas”. (Reprise).

Jardim do Bloco K:14h30 – Oficina Callicore de reciclagem de roupas e criação de moda. (continuação do dia 10/05).

Auditório K: 19h ” Filme: “1,99 – Um Supermercado que vende palavras”, de Marcelo Masagão.

20hs ” Mesa redonda multidisciplinar: “A comunicação: real e imaginário”. Com Ruchele Esteves Bimbato (Direito), Mª do Amparo de Souza (Ética), Asdrúbal Borges (Publicidade), Wander Kleber Maria Pereira da Silva (Psicologia) e Elen Cristina Geraldes (Jornalismo).

21h30 – DebateProjeto Ética na Mídia.

Autor:   Ailim Braz

 

X SECOMUNICA 2010

1

Se expectativa foi o sentimento que precedeu a décima edição da SeComunica, satisfação é o que fecha essa intensa semana.
Foram 5 dias de atividades que ocuparam , nos 3 turnos, boa parte das instalações do bloco K. Mas o que a tornou especial foi a adesão interessada de estudantes, professores, funcionários e visitantes.

Alguns imaginam que eventos desse tipo significam apenas pausas na rotina acadêmica. Na verdade são grandes oportunidades de desacomodar convicções e instigar a reflexão sobre o futuro que cada um quer para si, e sobre quais as ações que podem empreender para atingir seus objetivos de sucesso.

Com o tema “As escolas de comunicação e os novos cenários profissionais”, o curso de Comunicação chamou gente de dentro, gente de perto e gente de fora para mutuamente se ajudarem a compreender melhor como a área comunicação está se estabelecendo na atualidade.

Estimulando a capacidade critica, se falou sobre tendências, sobre riscos, sobre ilusões, sobre ideias criativas, sempre buscando referências, tanto para a reflexão acadêmica, quanto para a atuação dos futuros jornalistas e publicitários egressos da Universidade Católica.

Os grupos de voluntários constantemente “online”, que iniciaram seus trabalhos um mês antes da abertura do evento; a presença dos convidados dialogando com estudantes pelos corredores; a platéia acompanhando os shows, as exposições e filmes; as oficinas movimentadas e tudo mais demonstram que todo esforço demandado valeu a pena.

A vida acadêmica continua. Voltamos para nossas salas de aula, para nossas pesquisas, tarefas e descobertas do dia a dia.
Melhores, esperamos.
Enriquecidos com a profusão de informações que tivemos contato.

E contamos com o apoio de todos novamente para que a décima primeira edição da Secomunica seja muito melhor.
O twitter @ucbcom, o email secomunica2011@gmail são mais canais de diálogo para receber sugestões, críticas, dicas e desabafos.
Mas fiquem a vontade como sempre para o encontro face a face. A Direção do Curso de Comunicação está sempre disponível e aceita mais que 140 caracteres!

Direção do Curso de Comunicação

Jornalistas e publicitários falam sobre o mercado de trabalho

As Escolas de Comunicação e as tendências do mercado de trabalho no Centro-Oeste são os temas que profissionais e estudantes vão discutir, nessa quinta-feira, na X SECOMUNICA (Semana de Comunicação) da Universidade Católica de Brasília. Os professores André Carvalho (UCB), Magno Medeiros (UFG) e Patrícia Quitero (PUC-GO) serão os palestrantes da mesa redonda, que começa às 10h30, no auditório do Bloco K, no Campus I da Universidade. Eles vão discutir com os estudantes as características e peculiaridades do mercado de comunicação na região. A Semana acontece desde o dia 13 e segue até 17 de setembro. Durante a programação, os participantes poderão conhecer e discutir sobre jornalismo, publicidade e áreas afins. Serão abordados temas pertinentes como as novas ferramentas disponíveis, mídias sociais, convergência profissional, comunicação digital e comunitária. Além das mesas redondas, uma série de oficinas vai esclarecer como funcionam ferramentas como Adobe Premiére Pro, Photoshop, e ensinar mais sobre caricatura e o processo criativo na publicidade.

No grupo de palestrantes, debatedores e instrutores, a SECOMUNICA traz profissionais de renome como os professores Vitor Necchi (PUC-RS), Max Pinheito (FEEVALE), Maurício Farina (UNICAMP), o colunista do site Webinsider Vicente Tardim, além de professores da Católica e outros jornalistas.

2A X SECOMUNICA é uma iniciativa do curso de Comunicação Social da UCB e é aberta a comunidade. A programação completa e a página de inscrição, que é gratuita, podem ser conferidas no site da UCB: www.ucb.br

SERVIÇO

X SECOMUNICA – Semana de Comunicação da UCB
Debates, oficinas e palestras

Universidade Católica de Brasília, Campus I – Taguatinga
De 13 a 17 de setembro
Participação gratuita
Programação e inscrições pelo site www.ucb.b

 

XI SECOMUNICA 2011: OS TEMPOS DA COMUNICAÇÃO

3

 

4  5  6  7

 

SeComunica XII deve atrair dois mil estudantes em cinco dias de evento

8

O curso de Comunicação Social da Universidade Católica de Brasília (UCB) promove entre os dias 17 e 21 de setembro, no Campus I (Taguatinga), a XII Semana de Comunicação. O evento, intitulado SeComunica, traz para a edição deste ano a temática: “Convergentes e Divergentes: somos quem queremos e podemos?”.

A proposta é levar os participantes a reflexão sobre a comunicação e a pluralidade de ideias, linguagens e tecnologias, instigando-os a procurar uma carreira dentro do diversificado campo da comunicação. Durante o evento serão realizadas palestras, mesas redondas, oficinas, mostras de cinema, gastronomia, e arte. Serão cerca de 60 atividades em cinco dias de eventos.

Entre os palestrantes está o pós-doutor em semiologia Felipe Pena, a doutora em comunicação e cultura Fernanda Martinelli, a doutoranda em comunicação Suelen Marques e o jornalista Marcelo Netto, autor do livro Memórias de uma guerra suja. Felipe Pena ministra palestra sobre jornalismo literário, Martinelli e Valente participam de mesa redonda para discutir o consumo de luxo e os produtos falsificados e Marcelo Netto participa de entrevista ao vivo.

Além disso, os estudantes são co-protagonistas do evento: três exposições fotográficas apresentam uma amostra do trabalho produzido pelos estudantes no interior do Brasil, em Londres, no coletivo fotográfico. Projetos do curso, trabalhos estudantis e produtos laboratoriais também fazem parte da programação da semana.

Confira aqui a programação.

Para mais informações, acesse a Fan Page do evento ou ligue na direção do curso: (61) 3356-9237

 

Começa a XIII SECOMUNICA

Curso de Comunicação Social da UCB realiza sua 13ª Semana com o tema: A Imagem na Comunicação Contemporânea.

 

101113141516imagem

 

Fotos: Faiara Assis

Manhã movimentada no Bloco K da Universidade Católica de Brasília. Profissionais da Comunicação e estudantes do curso participam e promovem a XIII SECOMUNICA – Semana da Comunicação. A abertura do evento aconteceu hoje (11), pela manhã, no Auditório, com a presença da Diretora do Curso, profª Angélica Cordova, da Coordenadora Geral da XIII SECOMUNICA, profª Valesca Ottoni Lobo, e do prof. Dr. Alexandre Kieling, Diretor da Escola de Negócios da UCB. Ambos deram as boas-vindas e desejaram aos estudantes uma semana de muito aprendizado.

O Editor-Executivo de Arte da revista Época, Alexandre Lucas, e o Gerente Executivo de Inovação na EBC – Empresa Brasil de Comunicação, Adriano Adoryan, foram os palestrantes convidados a abrirem a SECOMUNICA, deste ano. Alexandre Lucas ministrou a palestra “A imagem das revistas brasileiras” e falou aos presentes sobre a importância da estética como um diferencial na propagação da informação. Ele exibiu cases de sucesso da revista Época, apresentou cenários positivos e negativos na busca da elegância, harmonia entre o visual e o texto. “A ideia deve ser colocada em prática com responsabilidade”, afirmou o Editor.

A programação da manhã foi encerrada com a palestra do Adriano Adoryan, com o tema: “A digitalização da imagem”. Adoryan fez uma comparação histórica da imagem analógica à evolução da imagem digital nos dias de hoje. “A relação da sociedade com a imagem muda no decorrer do tempo e o valor da imagem, hoje, é diferente da época dos nossos pais e avós”, explicou Adriano.

De hoje, até quinta-feira, 14 de novembro, a programação será mantida com palestras, oficinas e minicursos. Confira a programação e participe!

Share Button

Comente